Categorias: Planejando

Lua de Mel em New Orleans

Lua de Mel em New Orleans

Lua de Mel em New Orleans | Blog de Casamento DIY da Maria Fernanda

Quando pensamos em viajar para os Estados Unidos logo de cara nos vem a cabeça cidades como Nova York, Flórida, Miami, Los Angeles, San Francisco, Washington e até Chicago. Muitas antes desta que foi eleita este ano por nada mais, nada menos que o The New York Times como o melhor destino para se conhecer ao longo do ano. Este ano, em especial, New Orleans está completando 300 anos e seu calendário de eventos lhe rendeu o topo da cobiçada lista com 52 cidades de todo o mundo. Serão diversas festas, inaugurações de bares e restaurantes, além de uma intensa programação super especial.

Nossa estrela de hoje é considerada única pelos próprios americanos, se destacando por não parecer em nada com as demais cidades do país. As diferenças vão desde a sua arquitetura (cidade com detalhes parisienses, fundada por franceses e construída abaixo do nível do mar, espremida entre um rio e um grande lago, e rodeada de diques que não resistiram ao Katrina em 2005) até a sua cultura, cheia de músicas, culinária inconfundível e festividades animadas como o Mardi Gras (terça-feira gorda em francês), o mundialmente famoso carnaval de New Orleans que acontece desde 1827. Uma curiosidade da festa é a troca dos típicos colares feitos de conchas (além das bandinhas de rua e das máscaras de gesso). A cada beijo dado em um(a) desconhecido(a), a pessoa “rouba” um colar dele(a). No fim do dia é possível ver de longe quem se deu melhor no carnaval (rs).

Até a chegada do devastador furacão, que trouxe à tona as deficiências estruturais e do sistema social da cidade, tudo era festa e alegria por lá, características que aos poucos vão retomando seus lugares.

Lua de Mel em New Orleans | Blog de Casamento DIY da Maria Fernanda

New Orleans está localizada na região centro-sul dos EUA, banhada pelo rio Mississipi, no estado da Louisiana (onde os cassinos são liberados), bem próximo ao Golfo do México. Há voos diários do Brasil para o aeroporto local, mas sempre com alguma conexão (ex.: Miami, Dallas, Atlanta, etc.).

O setor hoteleiro é muito forte na cidade. Grandes redes, tais como, Hyatt, Holiday Inn, Crowne Plaza, Renaissance, Marriott, Hilton e Comfort Suites estão presentes na economia local com diárias atraentes, que variam entre R$ 400,00* e R$ 800,00* o casal.

Para os amantes que podem e querem pagar um pouco mais por um serviço mais exclusivo, o destaque vai para os vários hotéis-boutiques de New Orleans. Com diárias a partir de R$ 900,00* é possível encontrar um lindo quarto no fabuloso Audubon Cottages, com estilo toscano, no moderno The Saint Hotel, no charmoso Hotel Mazarin, no histórico Bienville House ou no autêntico Le Richelieu, todos localizados no French Quarter. Esta singular região, adorada por moradores e turistas,  ocupa 78 quarteirões centrais e é o coração da vida musical, intelectual e cultural da cidade. A praça Jackson Square é a porta de entrada do bairro, por onde já se encontram alguns dos muitos personagens de New Orleans: músicos, estátuas humanas, cartomantes e mímicos.

Próximo ao French Quarter está a Canal Street, rua com muito comércio do jeito que nós, brasileiros, amamos quando estamos no país do Tio Sam.

Não deixe de pedir na hora do almoço as famosas Bienville Oysters (antiga receita local de ostras) e sentar-se em um dos muitos bares da região para provar a típica bebida local, o Hurricane, feita a base de rum e suco de frutas. E, se quiser mesmo dizer que já esteve em New Orleans, termine sua noite romântica na House of Blues, ao som do (provavelmente) melhor blues & jazz da sua vida.

Para se aprofundar mais no assunto e na cultura local, indico uma visita ao New Orleans Jazz Nation Historic Park. Muito eventos, até mesmo funerais, acontecem ali ao som do ritmo.

Lua de Mel em New Orleans | Blog de Casamento DIY da Maria Fernanda
Bourbon Street

Mesmo se o casal não curte muito jogos de azar, vale a pena conhecer o cassino flutuante Bally’s, cuja estrutura é uma réplica das embarcações antigas que costumavam navegar pelo Mississipi. Já para quem curte museus, New Orleans abriga um dos melhores dos Estados Unidos, o New Orleans Museum of Art, e o curioso Voodoo Musuem, que conta a história do vudú, prática trazida pelos escravos.

Outros pontos interessantes por lá são: a Bourbon Street (mundialmente conhecida, deu nome à casa de blues mais famosa de São Paulo), o French Market (ótima pedida para um almoço), a Saint Louis Cathedral (de 1794, a mais antiga dos EUA) e o Garden District (bairro repleto de construções históricas).

E como a cidade é antiga, nada como se deliciar com um bom café com leite ou com um famoso hambúrguer americano no Cafè du Monde, a 156 anos servindo suas delícias no mesmo endereço.

Ao se afastar um pouco do centro, a parte mais antiga da cidade, o som quase que constante do jazz começa a desaparecer e New Orleans vai ganhando um “rostinho” tipicamente americano. Os shoppings Riverwalk Mall e Duncan Plaza, o World Trade Center (com mirante no topo) e a arena Louisiana Superdome (vale a pena conferir a tabela e tentar assistir a um joguinho de futebol americano por lá) fazem parte do centro financeiro e comercial mais modernos da cidade. Outros dois shoppings que merecerem destaque são o Esplanade e o Lakeside Mall.

Uma lua de mel em New Orleans é perfeita para casais que buscam roteiros inusitados, longe do óbvio, mas que não abrem mão de conforto e diversão. Vamos?

*Preços consultados Abril de 2018 para o período de baixa temporada do mesmo ano.

Publicidade

Comentários via Facebook

Deixe seu comentário!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.